BLOG
24/09/2021 Descubra como vencer uma das principais barreiras na conquista da Nacionalidade Portuguesa

Até 2020, para obter a tão desejada Nacionalidade Portuguesa, era preciso comprovar vínculo afetivo com Portugal – ou seja, ter um ascendente de nacionalidade portuguesa de 2° grau e laços de efetiva ligação com a comunidade portuguesa – ou ser casado(a) há pelo menos três anos com alguém nascido ou naturalizado em Portugal.

Com as alterações ocorridas na Lei n° 37/81 no final do ano passado, agora, para obter esse direito, é possível comprovar as raízes lusitanas apenas com a certidão de nascimento de antepassado português. Também houve mudança para quem tem cônjuge português: seis meses de casamento ou união estável é o tempo necessário para requerer a nacionalidade portuguesa.

O processo para a conquista desse documento, porém, pode ser trabalhoso e desanimador para algumas pessoas, já que envolve muitas etapas. Não é incomum, inclusive, pessoas viajarem para Portugal para buscar registros de seus antepassados. No entanto, principalmente neste momento de pandemia, essa é uma necessidade indesejada, não é mesmo?

A boa notícia é que você não precisa fazer isso. Uma das especialidades da Pinto Machado é auxiliar os nossos clientes a obterem a Nacionalidade Portuguesa sem burocracia. Com a ajuda de uma assessoria, o processo de obtenção dos documentos necessários não só é mais rápido, como também mais seguro, já que assim você evita possíveis erros.

Para garantir o êxito da sua busca pela Nacionalidade Portuguesa, nós cuidamos de toda a parte burocrática para você, incluindo a busca de todos os documentos dos seus antepassados ou de documentos perdidos.

Se você deseja obter a sua Nacionalidade Portuguesa, entre em contato conosco. Preencha nosso formulário de contato abaixo ou fale com a nossa equipe pelo WhatsApp (21) 98119-3637 ou pelo telefone (21) 3852-1322.


Para obter mais detalhes sobre este e outros assuntos, prossiga e realize uma consulta especializada conosco.
Logo